Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11328/79
Title: Processos de (co)construção da competência de comunicação escrita em língua materna: um estudo de caso.
Authors: Coimbra, Maria de Nazaré Castro Trigo
Keywords: Competências de comunicação escrita
Tipologias textuais
Escrita compositiva processual
Língua portuguesa
TME
Issue Date: 2008
Citation: Coimbra, M. N. C. T. (2008). Processos de (co)construção da competência de comunicação escrita em língua materna: um estudo de caso. Dissertação de Mestrado em Supervisão e Coordenação da Educação.
Abstract: O projecto de investigação que seguidamente se apresenta tem por finalidade investigar processos de aperfeiçoamento da competência de comunicação escrita de alunos de Língua portuguesa, do 3º Ciclo do ensino Básico, e de português, do Ensino Secundário, pelo professor de língua materna em formação inicial. A escolha da temática da dissertação resultou de uma dupla experiência, a de docente e a de formadora de professores de Português. No decurso de anos de docência e de orientação de estágio, a problemática do aperfeiçoamento da escrita tem vindo a suscitar o nosso interesse, bem como a consciencialização das exigências de uma nova Didáctica do português, língua materna. A partir dos contributos convergentes das Ciências da Linguagem e das Ciências da Educação, focalizámos o nosso estudo em processos de (co)construção da competência de comunicação escrita. De acordo com as indicações programáticas em vigor, considerámos as tipologias textuais e três macro-operações recursivas da escrita processual cognitiva - planificação, textualização e revisão. Estes processos, a que juntámos ainda o portfólio de avaliação, desenvolvido em Oficina de Escrita, constituiram o cerne do nosso estudo de caso, ancorado na formação inicial, num processo de investigação-acção. Na investigação, em contexto de estágio, que decorreu numa Escola do distrito do Porto, recorremos a diversas fontes de evidência, quer do subgrupo alunos quer do subgrupo estagiárias, utilizando uma metodologia mista. A análise qualitativa do discurso escrito foi previlegiada, complementada com procedimentos quantitativos. No inquérito por questionário, aplicado aos alunos, pretendemos investigar se as estratégias processuais favorecem, efectivamente, o aperfeiçoamento da competência de escrita de alunos das turmas de estágio, com aplicação do método quantitativo. Os resultados do estudo que apresentamos estão alinhados com conclusões de outros estudos sobre o ensino-aprendizagem de processos de (co)construção da competência de comunicação escrita em língua materna, na medida em que o recurso às tipologias textuais, à escrita (compositiva) processual e à avaliação por portfólio é validado.
URI: http://hdl.handle.net/11328/79
Appears in Collections:INPP - Dissertações de Mestrado / MSc Dissertations



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.