Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11328/518
Title: Evaluation, redesign and implementation of a system to support early dementia contexts.
Authors: Oliveira, Renato Marcos Guerra de
Keywords: Interação humano-computador
Desenho centrado no utilizador
Demência
Doença de Alzheimer
Prestação de cuidados
Engenharia de software
Tecnologia assistida
Android
Google TV
TMI
Issue Date: 2012
Citation: Oliveira, R.M.G. (2012). Evaluation, redesign and implementation of a system to support early dementia contexts. Dissertação de Mestrado em Informática.
Abstract: Everywhere in the world, population ageing is perceived as a double-edged sword. While it does show an incredible perseverance of the human race and its ever-growing feats, it constitutes a problem when observed from the point of view of health care systems and governments. The current situation of a declining economy puts an even greater strain on the difficulties that nations need to overcome. As people age, they experience changes related to perceptual, motor and cognitive systems. In these scenarios, chronic conditions are more likely to develop. Dementia is one such condition, notable for being very frequent and highly impacting to the lives of the elderly. Alzheimer’s disease (AD) is the most common type of dementia and causes people to progressively lose their ability to live independently. Caregivers are thus essential to help them overcome a wide variety of obstacles, but in order to do that, they too struggle psychologically, socially and financially. This dissertation focuses on the design, evaluation and development of technology to aid in dementia contexts, namely to people with early-stage AD and their caregivers. It builds upon a previous project in which a system called mobileWAY was partially designed and tested and not at all implemented. mobileWAY explores the concept of caregivers using a mobile application that can connect with the TV at the home of, and watched by the dementia-affected persons. The system enables caregivers to communicate information to the dementia-affected persons regarding who they are, their whereabouts and how long they will take until returning to the home of the dementia-affected person. In this dissertation, the initial version of mobileWAY is tested again, redesigned and improved, and a working prototype is developed and tested. This project encompasses the areas of Human-Computer Interaction (HCI) and Software Engineering. During the project’s development, a user-centred design (UCD) approach was followed and combined with agile methodologies to achieve the final working prototype. The project contributes with a tested system prototype that follows adequate design guidelines and best development practices. The system was systematically evaluated and makes use of state-of-the-art technologies that include an Android-powered tablet device and Google TV to provide support in the scope of dementia, which is a difficult yet increasingly important area of research. Em todo o mundo, o envelhecimento da população é encarado como uma faca de dois gumes. Apesar de demonstrar a incrível perseverança da raça humana e das suas crescentes proezas, ela constitui um problema quando observada através do ponto de vista dos sistemas de saúde e governos. A situação atual de uma economia em declínio coloca uma tensão ainda maior nas dificuldades que as nações necessitam de ultrapassar. À medida que as pessoas envelhecem, elas sentem alterações relacionadas com os sistemas percetivo, motor e cognitivo. Nestes cenários, as condições crónicas têm maior propensão a desenvolverem-se. A demência é uma dessas condições, notável por ser muito frequente e altamente impactante para as vidas dos idosos. A doença de Alzheimer é o tipo mais comum de demência e leva as pessoas a perderem progressivamente a capacidade de viverem de forma independente. Os cuidadores são assim essenciais para os ajudar a ultrapassar uma vasta gama de obstáculos, mas ao fazê-lo, também eles se debatem psicológica, social e financeiramente. Esta dissertação foca-se no desenho, avaliação e desenvolvimento de tecnologia para ajudar em contextos de demência, nomeadamente a pessoas na fase inicial de Alzheimer e aos seus cuidadores. Ela tem por base um projeto anterior em que um sistema denominado mobileWAY foi parcialmente desenhado e testado e não foi, de todo, implementado. O mobileWAY explora o conceito dos cuidadores utilizarem uma aplicação móvel que se pode ligar à TV em casa das pessoas afetadas por demência, e vista por elas. O sistema permite aos cuidadores fornecerem informação a essas pessoas relacionada com quem são, onde estão e quanto tempo vão demorar até regressar a casa delas. Nesta dissertação, a versão inicial do mobileWAY é testada novamente, redesenhada e melhorada, e um protótipo funcional é desenvolvido e testado. Este projeto engloba as áreas de Interação Humano-Computador (IHC) e Engenharia de Software. Durante o desenvolvimento do projeto, seguiu-se uma abordagem de desenho centrado no utilizador combinada com metodologias ágeis para atingir o protótipo funcional final. O projeto contribui com um protótipo do sistema testado que segue linhas orientadoras de desenho adequadas e as melhores práticas de desenvolvimento. O sistema foi testado sistematicamente e faz uso de tecnologias do estado da arte que incluem um dispositivo tablet equipado com Android e a Google TV para fornecer suporte no âmbito da demência, que é uma área de investigação difícil mas com uma importância crescente.
URI: http://hdl.handle.net/11328/518
Appears in Collections:REMIT - Dissertações de Mestrado / MSc Dissertations

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TMI 34.pdf4.48 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.