Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11328/4539
Title: Eficácia da neuromodulação nas alterações de memória da doença de Alzheimer: uma revisão sistemática da literatura
Authors: Fernandes, Sara M. Fernandes, orientador científico
Rocha, Magda Raquel Mendes
Keywords: Neuromodulação
Estimulação magnética transcraniana
Estimulação elétrica transcraniana
Doença de Alzheimer
Alterações de memória
Issue Date: 11-Nov-2022
Citation: Rocha, M. R. M. (2022). Eficácia da neuromodulação nas alterações de memória da doença de Alzheimer: uma revisão sistemática da literatura [Dissertação de Mestrado em Psicologia Clínica e da Saúde, Universidade Portucalense]. Repositório Institucional UPT. http://hdl.handle.net/11328/4539
Abstract: O presente estudo teve como objetivo verificar se as diferentes técnicas de neuromodulação (Estimulação Magnética Transcraniana e Estimulação Elétrica Transcraniana) são eficazes na melhoria da memória de pessoas com a doenla de Alzheimer (DA). Neste sentido, foram pesquisados ensaios clínicos randomizados e controlados na PubMed, Web of Science e Scopus, com os termos de pesquisa: “Alzheimer diseases” AND “Transcranial Magnetic Stimulation” AND “Memory Impairment”; "Alzheimer diseases” AND “transcranial Direct Current Stimulation” AND “Memory Impairment”. Todos os títulos e resumos dos artigos foram avaliados de forma independente e a extração de dados dos artigos elegíveis foi igualmente realizada com recurso a um formulário de extração de dados. Os artigos que compõem esta revisão sistemática cumprem todos os critérios de inclusão e exclusão estabelecidos aquando do início da mesma. O risco de viés das publicações foi avaliado com a “Escala de Jadad e a Escala Newcastle-Ottawa. Após avaliação inicial de 216 estudos, analisaram-se 17 estudos que cumpriram os critérios de inclusão e exclusão definidos para a revisão, totalizando-se 740 participantes, com idades compreendidas entre os 50 e 90 anos, submetidos às técnicas não invasivas. Esta revisão, permitiu identificar que tanto a TMS como a tES têm efeito na memória. Apesar disto, os resultados da presente revisão sugerem que o uso da TMS e rTMS apresentam efeitos mais promissores no tratamento das alterações da memória em pessoas com DA.
The present study aimed to verify whether the different neuromodulation techniques (Transcranial Magnetic Stimulation and Transcranial Electrical Stimulation) are effective in improving memory in Alzheimer's patients. In this sense, randomized controlled trials were searched in PubMed, Web of Science and Scopus, with the search terms: "Alzheimer di-seases" AND "Transcranial Magnetic Stimulation" AND "Memory Impairment"; "Alzheimer diseases" AND "transcranial Direct Current Stimulation" AND "Memory Impairment". All article titles and abstracts were assessed in-dependently, and data extraction from eligible articles was also performed using a data extraction form. The articles that made up this systematic review met all the inclusion and exclusion criteria established when the review was initiated. The risk of bias of the publications was assessed with the "Jadad Scale and the Newcastle-Ottawa Scale. After an initial evaluation of 216 studies, 17 studies that met the inclusion and exclusion criteria defined for the review were analyzed, totaling 740 participants, aged 50 to 90 years, who underwent noninvasive techniques. This review identified that both TMS and tES have an effect on memory. Despite this, the results of the present review suggest that the use of TMS and rTMS have more promising effects in the treatment of me-mory changes in patients with Alzheimer's disease (AD).
URI: http://hdl.handle.net/11328/4539
Appears in Collections:INPP - Dissertações de Mestrado / MSc Dissertations

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
exemplar_2435.pdf921.43 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.