Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11328/440
Title: Festivais de teatro: sua gestão, impactos e financiamento.
Authors: Pinho, Maria Inês Ribeiro Basílio de
Keywords: Festivais de teatro
Gestão e financiamento
TMF
Issue Date: 2007
Citation: Pinho, M.I.R.B.(2008). Festivais de teatro: sua gestão, impactos e financiamento. Dissertação de Mestrado em Finanças.
Abstract: A dissertação sobre "Festivais de teatro: sua gestão, impactos e financiamento" resulta de uma investigação iniciada em Abril de 2002, com a observação da proliferação, na década de 90, dos festivais em Portugal. Dentro destes assistia-se a um crescimento superior em modalidades artístico-culturais como a música e menor em teatro. Para além disto, constatou-se que as políticas municipais e da administração central para a cultura, recorriam, com alguma regularidade, à modalidade festival como forma de permitir que aquele bem se torne acessível a todos (bem público ou quase público). De igual modo, verificou-se que os procedimentos administrativos utilizados para a criação e manutenção de evento eram muitos semelhantes àqueles seguidos em estruturas empresarias, evocando-se vulgarmente o argumento da insuficiência de financiamento público com justificação do menor sucesso ou da irregularidade das respectivas edições dos festivais. Esta situação, quando comparada com a realidade internacional, destaca algumas diferenças de forma quanto aos modelos organizacionais seguidos, bem como quanto às modalidades de financiamento seguidas. A constatação destes factos conduziu, portanto, à necessidade e realização de um estudo onde se procurasse perceber se na origem destes factores estariam aspectos como: b) A noção, modalidades e características da estrutura organizacional festival; c) A validade da estrutura festival e, em particular os festivais de teatro, adaptarem conceitos de organizações e gestão de empresas; d) A capacidade de os artistas se saberem organizar, bem como pré-programar, planear, implementar e controlar festivais de teatro; e) A comparação entre as formas de administração e financiamento empresariais e as formas de administração e financiamento de um festival de teatro. Do confronto, entre casos nacionais e internacionais com o estudo comparativo das suas modalidades de organização e financiamento, pretendeu-se avaliar se o conceito de "festival" se trata de um novo modelo organizacional e se as razoes explicativas da sua proliferação residem em aspectos financeiros ou igualmente em aspectos organizativos.
URI: http://hdl.handle.net/11328/440
Appears in Collections:REMIT - Dissertações de Mestrado / MSc Dissertations

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TMF 12.pdf3.33 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.