Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11328/3255
Title: A perspetiva dos professores/as sobre o comportamento agressivo na adolescência, em contexto escolar: Um estudo exploratório
Authors: Silva, Joana, orientador científico
Vagos, Paula, orientador científico
Varanda, Ana Carvas Lisboa
Keywords: Adolescentes
Professores
Comportamento agressivo
Contexto escolar
Issue Date: 20-Nov-2020
Citation: Varanda, A. C. L. (2020). A perspetiva dos professores/as sobre o comportamento agressivo na adolescência, em contexto escolar: Um estudo exploratório. (Dissertação de Mestrado), Universidade Portucalense, Portugal. Disponível no Repositório UPT, http://hdl.handle.net/11328/3255
Abstract: O presente estudo exploratório perspetiva uma aproximação à realidade percecionada pelos professores/as, acerca do fenómeno do comportamento agressivo praticado por adolescentes em contexto escolar. Participaram neste estudo quatro professores, que lecionam o terceiro ciclo e secundário de escolaridade obrigatória, numa escola do norte do país. Foram conduzidas entrevistas semiestruturadas, em profundidade, que posteriormente foram analisadas com recurso ao método qualitativo de análise temática de tipologia mista. Os resultados sugerem que os professores apresentam dificuldades na definição do construto; na identificação do fenómeno, quando este se apresenta enquadrado na manifestação de bullying ou sob a forma encoberta/relacional; no reconhecimento das consequências do comportamento agressivo, aquando estas recaem sobre o aluno/a; na identificação dos fatores de risco, quando estes se associam ao professor/a e à instituição escolar; na aplicação consensual de estratégias remediativas e preventivas eficazes e na capacidade de se posicionarem como modelos e gestores de comportamentos sociais. No entanto, fica claro na perceção dos professores, que as estratégias relacionais, preventivas e remediativas, baseadas na relação professor-aluno positiva, se afiguram como as mais eficazes na prevenção e gestão do comportamento agressivo. Por fim, acresce que a informação recolhida pode contribuir para implementação de programas de intervenção/formação, mais eficazes, indo ao encontro das necessidades e dificuldades identificadas pelos professores. tais como: psicoeducação acerca do fenómeno do comportamento agressivo e saúde mental (do adolescente e professor), capacitação (teórica e prática) ao nível das estratégias de gestão de comportamentos sociais e promoção de comportamentos alternativos e pró-sociais, acompanhamento para o desenvolvimento de planos de intervenção eficazes e desenvolvimento de competências pessoais, sociais e relacionais do docente.
The present exploratory study aims to approach the reality perceived by teachers about the phenomenon of aggressive behavior of adolescents in the school context. Four teachers participated in this study, all four teach the third and secondary cycle of compulsory education, in a school in the north of the country. In-depth semi-structured interviews were conducted, which were subsequently analyzed using a qualitative method of thematic analysis based on a hybrid typology. The results suggest that teachers seem to find it difficult to define the construct; to identify the phenomenon as it is framed as a manifestation of bullying or as a convert/relational form; to recognize the consequences of aggressive behavior, when these fall on the student; to identify the risk factors, when they are associated with the teacher and the school institution; to describe a consensual application of effective remedial and preventive strategies and to position themselves as models and managers of social behaviors. However, it appears that teachers consider it more effective to manage learning and social behavior using preventive and remedial relational strategies, based on a positive teacher - student relationship, and this relationship appears to be determinant in the prevention and intervention of learning and social problems. Finally, data from this study can have a strong contribution to design and implement intervention / training programs aimed for teachers, meeting the identified needs and difficulties, such as: psychoeducation about the phenomenon of aggressive behavior and mental health (of the adolescent and teacher), training (theoretical and practical) in terms of social behavior, management strategies and promotion of alternative and prosocial behaviors, development of effective intervention plans focused on promoting teacher's personal, social and relational skills.
URI: http://hdl.handle.net/11328/3255
Appears in Collections:INPP - Dissertações de Mestrado / MSc Dissertations

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
exemplar_1740.pdf514.55 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.