Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11328/29
Title: O papel dos Clubes de Ciência na aprendizagem da Física e da Química.
Authors: Aparício, Maria Manuela Moreira
Keywords: Educação
Estudo experimental
Clube de ciências
TME
Issue Date: 2010
Citation: Aparício, M. M. M. (2010). O papel dos Clubes de Ciência na aprendizagem da Física e da Química. Dissertação de Mestrado em Supervisão e Coordenação da Educação.
Abstract: No ensino das Ciências, o Ministério da Educação (ME) estabelece, na alínea e)do artigo 3.º do Decreto-Lei n.º 6/2001, de 18 de Janeiro, como princípios orientadores dos processos de ensino e de aprendizagem, a “valorização das aprendizagens experimentais nas diferentes áreas e disciplinas (…) promovendo a integração das dimensões teórica e prática”. Ao desenvolver as actividades experimentais, cria-se um ambiente propício à reflexão e à análise, permitindo que os alunos, através da interacção, possam apropriar-se dos conhecimentos de forma mais eficaz. Assim se compreende que, nos últimos anos, o ensino experimental das Ciências tenha sido referido como forte recomendação na reorganização curricular do Ensino Básico, nomeadamente na disciplina de Ciências Físico--Químicas (CFQ). Efectivamente, constatou-se que as actividades experimentais influenciam o processo de ensino e aprendizagem, propiciando a compreensão e interpretação de fenómenos fundamentais no futuro das novas gerações, promovendo o pensamento criativo e desenvolvendo competências significativas para o exercício de uma cidadania crítica. Acresce que ao serem desenvolvidas com base no trabalho colaborativo, as actividades experimentais contribuem para a inclusão social, proporcionando oportunidades educativas a todos os alunos. Este trabalho colaborativo facilita a apropriação de conhecimentos e a mobilização/desenvolvimento de competências a nível afectivo, social e cognitivo, contribuindo para a aceitação da diversidade (Silva & César, 2005). Neste contexto, os Clubes de Ciência surgem com objectivos precisos: a ocupação dos tempos livres (OTL), aliando o aspecto lúdico à aquisição de conhecimentos; o desenvolvimento de uma consciência científica e experimental; a partilha de opiniões e experiências; a exploração da actividade experimental; a aproximação dos alunos à Ciência, num ambiente descontraído, de convívio e de boa disposição, através de um ensino não formal. Esta investigação insere-se no projecto Clube de Ciência e pretende, essencialmente, indagar se as aprendizagens experimentais realizadas no clube se constituem como meios privilegiados para a apropriação de conhecimentos e desenvolvimento de competências na área da Física e da Química e para a promoção do sucesso escolar. O percurso da investigação, de natureza qualitativa, decorreu numa escola da região do Porto e envolveu alunos do 3º Ciclo do Ensino Básico, a frequentar os 8º e 9º anos, e professoras de Ciências Físico-Químicas. Com vista à recolha de dados, aplicaram-se, aos primeiros, questionários e aos segundos inquéritos por entrevista. No tratamento das informações recolhidas, recorreu-se à análise de conteúdo e a procedimentos de estatística simples. Os resultados obtidos neste estudo vão de encontro aos pressupostos teóricos apresentados e evidenciam que as actividades experimentais se constituem como um aspecto fulcral na aprendizagem dos alunos, nesta área do conhecimento científico. For the teaching of Science, the Ministry of Education (ME) provides, in e) of Article 3. Decree-Law No. 6/2001, January 18, as the guiding principles of teaching and learning "more experimental learning in different areas and disciplines (...) promoting the integration of theoretical and practical dimensions”. In developing experimental activities, an environment conducive to reflection and analysis is created, enabling students, through interaction, to more effectively take ownership of knowledge. So, it is understandable that in recent years, experimental teaching of science has been one of the key aspects of curricular reorganization of basic education, particularly in the discipline of Physics and Chemistry. Indeed, it was found that experimental activities influence the process of teaching and learning, fostering understanding and interpretation of fundamental phenomena in the future of our children, promoting creative thinking and developing skills for meaningful exercise of a critical citizenship. Moreover, experimental activities based on collaborative work contribute to inclusion, providing educational opportunities for all students. This collaborative work facilitates knowledge acquisition, mobilization and skills development of emotional, social and cognitive growth, contributing to the acceptance of diversity (Silva & César, 2005). In this context, Science Clubs come up with clear objectives: the use of free time, combining the playful aspect to knowledge acquisition, the development of a scientific and experimental conscience, sharing opinions and experiences, exploring experimental activity, the students' approach to science in a relaxed, convivial and good mood, through a non-formal education. This research is part of the Science Club project developed with students from 3rd cycle of basic education, which seeks to know whether experimental learning undertaken at the club is set up as a privileged means for knowledge acquisition, and skills development in the field of physics and chemistry and to promote academic success. The course of investigation, qualitative in nature, took place in a school in the area of Porto, and involved students from the 3rd cycle of basic education attending 8th and 9th grades, and teachers of Physics and Chemistry. Aiming to collect data, questionnaires were used on students, and surveys on teachers. Content analysis and simple statistical procedures were used on the collected data. The results of this study are in agreement with theoretical assumptions, and are evidence that experimental activities are a key element in student learning on this area of scientific knowledge.
URI: http://hdl.handle.net/11328/29
Appears in Collections:INPP - Dissertações de Mestrado / MSc Dissertations

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TME 440.pdf1.16 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.