Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11328/1982
Title: O trabalho em grupo de alunos com necessidades educativas especiais nas classes regulares.
Authors: Machado, Eusébio André, orientador científico
Simões, José Carlos Gorgal
Keywords: Avaliação
Liderança
Trabalho de Grupo
Educação Especial
Necessidades Educativas Especiais
Inclusão
Evaluation
Leadership
Special Education
Group Work
Special Educational Needs (SEN)
Inclusion
Issue Date: Aug-2017
Citation: Simões, J. C. G. (2017). O trabalho em grupo de alunos com necessidades educativas especiais nas classes regulares. (Dissertação de Mestrado), Universidade Portucalense, Portugal. Disponível no Repositório UPT, http://hdl.handle.net/11328/1982
Abstract: A partir da década de 60, o sistema educativo tem sido objeto de várias metamorfoses na legislação portuguesa, designadamente, com a introdução da Lei de Bases do Sistema Educativo nº 46/86, de 14 de outubro, e do Decreto-Lei 319/91, de 23 de agosto. Ora, estas alterações legislativas têm como principal finalidade melhorar as condições da Educação Especial e, consequentemente, a integração e/ou inclusão dos alunos com necessidades educativas especiais nas classes regulares. Neste contexto, o presente estudo, sustentado nos métodos qualitativos, apresenta como principal objetivo perceber em que medida o trabalho de grupo nas classes regulares com alunos com necessidades educativas especiais poderá promover o ensino inclusivo. Para o efeito, entrevistamos nove professores do 2º e 3º ciclos do ensino básico e do ensino secundário (n=9), originários de Agrupamentos/Escolas do Grande Porto, os quais, através de uma entrevista semiestruturada, apresentaram os seus pontos de vista que foram submetidos a análise de conteúdo. Ora, a principal conclusão do nosso estudo é que o trabalho de grupo, como instrumento de aprendizagem e de integração dos alunos com necessidades educativas especiais, pese embora o seu enorme potencial de socialização e de permuta de conhecimento, é a exceção e não a regra que
Since the 1960's, the educational system has been subjected to several metamorphoses in Portuguese legislation, namely with the introduction of the Basic Law on Education No. 46/86, dated October 14th and of the Decree-Law 319/91, of August 23rd, among others. These legislative changes aim to improve the conditions of Special Education and, consequently, the integration and/or inclusion of students with special educational needs in regular classes. Within this context, the present study, supported by qualitative methods, sets its main goal in understanding to what extent group work in the regular classes with special educational needs´ students could promote Inclusive Education. To that end, we interviewed nine teachers from the second and third cycles of Basic Education and Secondary Education schools (n=9) who, through a semi-structured interview, told us their points of view on the subject. These were then submitted to a content analysis. Now, the main conclusion of our study is that group work, as a learning and integration tool for students with special educational needs, albeit its enormous socialization and knowledge interchange potential, is the exception and not the rule that may be replicated, compromising its inclusion capabilities.
URI: http://hdl.handle.net/11328/1982
Appears in Collections:INPP - Dissertações de Mestrado / MSc Dissertations

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TME 581.pdf730.78 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.