Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://hdl.handle.net/11328/1634
Título : A inteligência dos futuros contingentes: Interrogando G. W. Leibniz sobre a lógica do tempo.
Autor : Jesus, Paulo Renato
Palabras clave : Leibniz
Lógica modal
Futuros contingentes
Teodiceia
Fecha de publicación : 2016
Resumen : A presente investigação questiona a essência teo-lógica dos futuros contingentes. Para o efeito, analisa-se, primeiramente, a argumentação segundo a qual, sob certas condições lógicas, teológicas, ontológicas e cosmológicas antinecessitantes, detetadas por G. W. Leibniz (conciliando a posição de St. Agostinho com a de L. Molina e W. Ockham), a abertura contingente do futuro parece ser compatível com o regime das "verdades contingentes pré-determinadas", regime enquadrado teologicamente pelo princípio do "futuro melhor" ou do "único futuro verdadeiro". No entanto, os futuros contingentes incitam, com e contra Aristóteles, ao desenvolvimento de uma lógica temporal e plurivalente, ao modo de J. Łukasiewicz ou A. Prior. Essa lógica garante a abertura do futuro sem o oneroso custo metafísico da adesão a uma teo-lógica omnideterminante. A crítica do determinismo lógico, daí resultante, afigura-se mais coadunável com as condições pós-metafísicas inerentes à episteme agnósticacontemporânea, mas, nesse caso, a abertura do futuro implicaria uma profunda redefinição das próprias ideias e funções de "Deus", "matéria", "história" e "verdade".
URI : http://hdl.handle.net/11328/1634
Aparece en las colecciones: INPP - Artigos em Revistas Internacionais / Papers in International Journals

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción Tamaño Formato  
Paulo Jesus_Leibniz_TransFormAcao.pdf588.39 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Los ítems de DSpace están protegidos por copyright, con todos los derechos reservados, a menos que se indique lo contrario.