Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11328/1487
Title: Novas tecnologias aplicadas à estimulação cognitiva em idosos com demência: Efeitos e potencialidades.
Other Titles: New techonologies towards cognitive stimulation in elderly with dementia: Effects and potential
Authors: Miguel, Isabel
Amaro da Luz, Helena
Keywords: Novas tecnologias
Demência
Potencialidades
Estimulação cognitiva
efeitos
new technologies
Dementia
Potential
Cognitive stimulation
Effects
Issue Date: 2015
Citation: Miguel, I., & Amaro da Luz, M. H. (2015). New technologies towards cognitive stimulation in elderly with dementia: Effects and potential. In Proceedings of the 2015 10th Iberian Conference on Information Systems and Technologies (Cisti 2015). URI: http://hdl.handle.net/11328/1487.
Abstract: A demência constitui, atualmente, uma das principais patologias associadas ao envelhecimento, com graves e importantes limitações em termos da funcionalidade do idoso. Dada a sua crescente incidência [1], a intervenção no domínio da demência tem sido pautada pelo desenvolvimento de estratégias e programas de estimulação cognitiva, que procuram minimizar os seus efeitos nefastos e, simultaneamente, otimizar a funcionalidade global [2] [3] [4]. Estes programas constituem novos campos de conhecimento e intervenção, em casos mais recentes apoiados pelas novas tecnologias que, devido à sua sensibilidade, eficácia e acessibilidade se revelam eficazes ao nível da intervenção na deterioração cognitiva. Com efeito, vários têm sido os programas que, recorrendo a novas tecnologias, vêm demonstrando a sua utilidade e resultados positivos para idosos com demência. O objetivo do presente trabalho é apresentar uma abordagem de revisão empírica dos efeitos da estimulação cognitiva com recurso a novas tecnologias em idosos com demência. Conclui-se que a intervenção resulta bem sucedida na estabilização e melhoria das perdas cognitivas, apresentando-se as novas tecnologias como importantes alternativas às formas mais convencionais de lidar com esta enfermidade.
Dementia is currently one of the main diseases associated with aging, with serious and significant functional limitations for the elderly. Given its increasing incidence [1], intervention in the field of dementia has been guided by the development of cognitive stimulation strategies and programs, which seek to minimize its adverse effects and simultaneously optimize elderly overall functionality [2] [3] [4]. These programs are new fields of knowledge and intervention, in more recent cases supported by new technologies that, due to their sensitivity, efficiency and accessibility, prove effective in terms of intervention in cognitive impairment. Indeed, several programs, using new technologies, have demonstrated their usefulness and positive outcomes for elderly with dementia. The aim of this paper is to present an empirical approach review of the effects of cognitive stimulation using new technologies in elderly patients with dementia. The conclusion emphasizes that intervention produces successful results in the stabilization and improvement of cognitive losses, presenting new technologies as important alternatives to the more conventional ways of dealing with this disease.
URI: http://hdl.handle.net/11328/1487
Appears in Collections:INPP - Comunicações a Congressos Internacionais / Papers in International Meetings

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Miguel Amaro da Luz_Novas tecnologias aplicadas à estimulação cognitiva com idosos.pdf81.19 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.