Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11328/135
Title: Políticas nacionais de saúde para os idosos: análise das práticas institucionais em contexto rural e urbano: estudo de caso.
Authors: Moreno, Daniela Filipa Morais
Keywords: Envelhecimento ativo
Idosos institucionalizados
Políticas de saúde
Meio rural
Meio urbano
Qualidade de vida
Active aging
Institutionalized elderly
Health policy
Rural environment
Urban environment
Quality of life
TMES
Issue Date: 2013
Citation: Moreno, D. F. M. (2013). Políticas nacionais de saúde para os idosos: análise das práticas institucionais em contexto rural e urbano: estudo de caso. Dissertação de Mestrado em Ciências da Educação especialização em Educação Social.
Abstract: A temática estudada na presente Dissertação de Mestrado incidiu na análise das principais políticas de saúde aplicadas aos idosos na atualidade, com vista à promoção do envelhecimento ativo. O principal objetivo deste estudo de caso comparativo, foi perceber como é que as estratégias desenvolvidas a partir das políticas de saúde se repercutem na qualidade de vida e se atuam na prevenção de doenças, nos idosos institucionalizados em contexto rural e urbano. Neste trabalho, foi utilizada como metodologia, a investigação mista. Para além da fundamentação teórica, esta investigação engloba dois estudos. O primeiro estudo foi realizado mediante técnicas qualitativas (entrevista) e o segundo estudo, perante técnicas quantitativas (inquérito por questionário).Todos os dados qualitativos e quantitativos desta investigação foram recolhidos em dois lares de idosos: um localizado em meio rural (Distrito de Bragança) e outro em meio urbano (Distrito do Porto). Para investigar esta temática, no estudo qualitativo, realizámos entrevistas com as Diretoras Técnicas de cada instituição estudada e no estudo quantitativo, inquirimos 32 idosos, 23 em contexto urbano e 9 em contexto rural, que colaboraram de forma voluntária na recolha de dados. Os resultados obtidos com esta investigação mostraram que a autoperceção dos idosos relativamente à sua saúde, bem-estar e qualidade de vida é satisfatória em ambos os contextos estudados. Também o contributo de técnicos especializados, com o desenvolvimento de diversas atividades diárias, revelou influenciar na melhoria da qualidade de vida e preservação da saúde dos idosos estudados. Embora as instituições revelem colocar em prática de forma semelhante algumas políticas de saúde no quotidiano dos idosos, verificámos que é em contexto urbano onde as estratégias utilizadas revelam reflexos mais positivos na qualidade de vida e preservação da saúde dos idosos institucionalizados. The subject studied in this Master's Thesis was based on the analysis of the main health policies currently applied to the elderly, in order to promote active aging. The main goal of this comparative study case was to see how the strategies developed from health policies have an impact on quality of life and work in the prevent of diseases in the institutionalized elderly in rural and urban context. In this work, it was used mixed research as type of methodology. Beyond the theoretical foundation, this research includes two studies. The first study was conducted using qualitative techniques (interview) and the second study, with quantitative techniques (questionnaire survey). All qualitative and quantitative data from this research were collected in two nursing homes: one located in a rural area (District of Bragança) and other in an urban area (Porto District). To investigate this issue, on the qualitative study, were conducted interviews with the Managers of each institution studied and on the quantitative study there were inquired 32 elderly, 23 of them in the urban context and 9 of them in the rural context, in which they cooperate voluntarily in the data collection. The results obtained from this research show that elderly auto-perception regarding their health, well-being and quality of life is quite satisfactory in both contexts studied. Also, the contribution of technical expertise, with the development of diverse daily activities, revealed influence on improving the quality of life and preservation of health of the elderly. Although the institutions put in place similarly health policies in the activities of daily lifes of the elderly, we confirm that it is in an urban context where the strategies used reveal reflexes more positives on the quality of life and preservation of health of institutionalized elderly.
URI: http://hdl.handle.net/11328/135
Appears in Collections:INPP - Dissertações de Mestrado / MSc Dissertations

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TMES 15.pdf1.9 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.