Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11328/1199
Title: Práticas de avaliação de desempenho docente e a aprendizagem dos alunos no 1.º ciclo.
Authors: Caldas, Maria Antónia Pereira
Keywords: Avaliação de desempenho docente
Aprendizagem
Escola
Práticas docentes
Ensino básico
Teaching Performance Assessment
Learning
School
Teaching Practices
Elementary Education
TME (Mestrado em Administração e Gestão da Educação)
Issue Date: Nov-2014
Publisher: Universidade Portucalense
Citation: Caldas, M.A.P. (2014). Práticas de avaliação de desempenho docente e a aprendizagem dos alunos no 1.º ciclo. (Dissertação de Mestrado), Universidade Portucalense, Portugal.
Abstract: O presente estudo exploratório tem como objetivo analisar a relação entre as práticas de avaliação de desempenho docente e as aprendizagens no primeiro ciclo do Ensino Básico, bem como as consequências que estrategicamente as mesmas têm nos atores mais diretamente envolvidos: professores e alunos. Neste sentido, apresentamos os pressupostos teóricos subjacentes ao atual enquadramento legal das práticas de avaliação de desempenho docente através de uma perspetiva articulada com a aprendizagem dos alunos/professores a nível das atividades, relação pedagógica, resultados, atitudes/comportamentos e avaliação. Realizado em duas escolas públicas do distrito do Porto, o estudo empírico assume um carácter eminentemente exploratório, numa lógica de estudo de caso, no âmbito do qual se aplicou um inquérito por questionário a alunos dos 3.º e 4.º ano de escolaridade (n=214) e uma entrevista semiestruturada a professores avaliadores internos e externos (n= 4). Concluímos, de modo geral que as Práticas de Avaliação de Desempenho Docente não se relacionam diretamente com os Resultados da Avaliação dos alunos. Ou seja, as Aprendizagens dos alunos não têm uma causalidade diretamente relacionada com as práticas de Avaliação de Desempenho Docente.
This exploratory study aims to analyse the relationship between Teacher Performance Assessment practices and learning in the first cycle of elementary education, addressing as well the strategic consequences on the most involved stakeholders: teachers and students. In this sense, we present the theoretical assumptions underlying the current legal framework for Teacher Performance Assessment practices through a combined perspective articulated with the learning of students / teachers at the level of activities, pedagogical relationship, results, attitudes / behaviours and evaluation. Conducted in two public schools of the district of Oporto, the empirical study assumes an eminently exploratory nature, a case study of logic, in which applied a questionnaire to students of 3rd and 4th grade (n = 214) and a semi-structured interview to internal and external evaluators teachers (n = 4). We conclude that the Teacher Performance Assessment Practices generally are not directly related to the students' evaluation results. That is, Teacher Performance Assessment practices do not have a directly related effect on the students’ learning.
Description: Dissertação de Mestrado em Administração e Gestão da Educação.
URI: http://hdl.handle.net/11328/1199
Appears in Collections:INPP - Dissertações de Mestrado / MSc Dissertations

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TME 530.pdf2.92 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.