Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11328/1059
Title: A criança multideficiente e a sua inclusão na sala do Ensino Regular.
Authors: Pinto, Rita Alexandra Barbosa
Keywords: Inclusão
Multideficiência
Unidade de apoio especializado à multideficiência
Necessidades educativas especiais
Deficiência mental
Deficiência motora/paralisia cerebral
Autismo Vs. Asperger
Inclusion
Multidisabilities
Specialized Support Unit to multidisabilities
Especial educational needs
Mental disabilities
Motor disabilities/ cerebral palsy
Autism vs. Asperger
TME (Dissertação de Mestrado em Educação Especial)
Issue Date: Apr-2014
Citation: Pinto, R.A.B. (2014). A criança multideficiente e a sua inclusão na sala do Ensino Regular. (Dissertação de Mestrado), Universidade Portucalense, Portugal.
Abstract: O presente trabalho debruça-se sobre a Criança Multideficiente e a sua Inclusão na sala do Ensino Regular. Multideficiência e inclusão são temas constantes de debate na atualidade. Dar atenção à inclusão é acreditar que nos estabelecimentos de ensino sejam criados, gerados e geridos, recursos, condições e estratégias suscetíveis de dar uma resposta apropriada a todos os alunos, com ênfase particular nos alunos com Multideficiência. Por conseguinte, compete aos profissionais da educação promover uma educação apropriada, em colaboração com todos os especialistas e todos os meios necessários, concretizando a educação inclusiva a que todas as crianças têm direito. Assim, entendemos ser de acutilante oportunidade e de relevante pertinência abordar, de modo teórico e empírico a problemática em questão, sob a forma de um projeto no âmbito da investigação de natureza quantitativa. Com este trabalho pretendemos abordar a temática da Criança Multideficiente e a sua inclusão na sala do Ensino Regular, partindo de uma base teórica e analisando as Unidades de Apoio Especializado à Multideficiência, abordando as implicações que a inclusão provoca nestes alunos a diversos níveis. Assim, procedemos à intervenção realizada nas Unidades de Apoio Especializado à Multideficiência. O nosso intuito foi analisar a inclusão da criança na sala do Ensino Regular, mais precisamente, verificar se a inclusão da criança Multideficiente é vantajosa, centrando-se na promoção de uma filosofia de escola inclusiva. O estudo desta temática segue fundamentalmente, o seguinte objetivo geral: verificar os fatores que influenciam a aceitação das crianças com Multideficiência pelos professores e colegas, centrando-se na promoção de uma filosofia de escola inclusiva, a partir do qual delineamos os seguintes objetivos específicos: indicar as problemáticas da criança Multideficiente; verificar a disponibilidade dos colegas da sala do Ensino Regular para incluir a criança Multideficiente na sua turma; conhecer a realização/satisfação dos pais em relação à Inclusão dos seus filhos na sala do Ensino Regular; identificar as atividades trabalhadas na sala do Ensino Regular com alunos portadores de Multideficiência. Finalmente, e na sequência dos objetivos anteriores, passaremos à parte empírica. As metodologias que adotamos na investigação consistem numa pesquisa quantitativa, através de inquéritos por questionário aos Professores do Ensino Regular, Professores do Ensino Especial e aos pais/encarregados de Educação, tendo sido estabelecidos contactos de modo a verificarmos quais as “influências” que uma inclusão pode ter numa criança Multideficiente. Os resultados serão apresentados em gráficos e quadros. Concluímos que a maior parte dos professores, concordam com a inclusão da criança Multideficiente na sala do Ensino Regular e que, infelizmente existem falta de recursos para que todas estas crianças dela possam usufruir.
The current work focuses on the multideficient/ handicapped child and its inclusion in the regular teaching classroom. Multidisabilities and inclusion are constant topics of debate nowadays. Caring about inclusion is believing that resources, conditions and strategies to give an appropriate response to all students, with a especial emphasis on multideficient students are created, generated and run in schools. Therefore, it is up to education professionals to promote an appropriate education, working with all the necessary specialists and means, making inclusive education possible to every child entitled to it. So, it is understood to be pertinent to focus, both theoretically as well as empirically, on the question at hand, as a project in the field of quantitative research. With this work we intend to deal with the multideficient child theme and his/ her inclusion in the regular teaching classroom starting at a theoretical basis and analysing the multideficient specialized support units, dealing with the implications that inclusion causes on these students at different levels. Therefore, we have proceeded to the intervention done in the multideficient specialized support units. Our aim was to analyse the child's integration in the regular teaching classroom, more precisely, to check whether the multideficient child's inclusion is advantageous, centering on the promotion of an inclusive school philosophy. Studying this topic aims the main goal: check the factors that influence multideficient children's acceptance by the their teachers and colleagues, focusing on the promotion of an inclusive school philosophy, from which we will draw the following specific goals: indicate multideficient issues; check regular teachers' willingness to include the multideficient child in the classroom; become aware of parents' satisfaction as far as their children's inclusion in the regular classroom is concerned; identify activities done in the regular classroom with multideficient students. Finally, and following the previous goals, we will move on to the empiric part. The methodologies we have adopted consists of a quantitative research, through questionnaires applied to Regular education teachers, Special Education teachers and to parents/ legal guardians, and contacts were established to verify which “influences” an inclusion can have on a multideficent child. The results will be presented in graphics and charts. We have concluded that the majority of teachers agree with the inclusion of a multideficient child in the regular teaching classroom and that unfortunately there is a lack of resources to make that inclusion possible for all those children.
Description: Dissertação de Mestrado em Educação Especial.
URI: http://hdl.handle.net/11328/1059
Appears in Collections:INPP - Dissertações de Mestrado / MSc Dissertations

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Acesso Restrito.pdf406.96 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.