Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11328/2150
Title: Finanças internacionais: Teoria e prática
Authors: Pacheco, Luís Miguel
Tavares, Fernando Oliveira
Soares, Vasco Jorge Salazar
Vieira, Elisabete Fátima Simões
Carvalho, Cristina Ausenda Nobre Marques Peguinho
Keywords: Finanças internacionais
Issue Date: 2017
Publisher: Sílabo
Citation: Pacheco, L., Tavares, F., Salazar, V., Vieira, E., & Peguinho, C. (2017). Finanças Internacionais: Teoria e prática. Editora Sílabo.
Abstract: O fenómeno da globalização tem levado à necessidade de tratar as finanças empresariais no âmbito de uma dimensão mais ampla em termos de relações económicas internacionais. A crescente liberalização da circulação de capitais e a desregulamentação dos mercados financeiros tendem a acompanhar a livre circulação de bens, serviços e pessoas, colocando novos desafios aos agentes económicos, nomeadamente empresas e instituições financeiras que operam a um nível global. É um facto que o rápido incremento das transações financeiras internacionais, acelerado pela difusão de novas tecnologias, tem permitido a redução dos custos de informação e de transação. No entanto, atuar em ambiente internacional levanta questões tão variadas como a tomada de decisões de investimento e financiamento a uma escala mundial, o acesso a vários mercados monetários e financeiros, a gestão de riscos cambiais, o conhecimento e utilização de uma grande diversidade de instrumentos financeiros, ou a diferenciação fiscal, cultural e política. Por outro lado, o desenvolvimento dos mercados financeiros internacionais tem contribuído para a integração financeira dos grandes centros financeiros mundiais, gerando também preocupações com a estabilidade financeira no mundo. O principal objetivo deste manual é o de clarificar conceitos e mecanismos relevantes no âmbito das finanças internacionais e determinantes para a tomada de decisão empresarial. Desta forma, a exposição teórica integra vários exemplos simples e atuais, complementados por um conjunto de casos práticos acompanhados da respetiva proposta de resolução. A sequência das matérias visa uma análise integrada dos temas abrangidos pelas finanças internacionais, tendo por base a intenção de: • Familiarizar os leitores com os mercados cambial, monetário e de capitais, e respetivos intervenientes e produtos financeiros; • Dar a conhecer o ambiente internacional em que as empresas operam e tomam as suas decisões de investimento e de financiamento internacional; • Proporcionar a aquisição de competências para avaliar e gerir o risco, nomeadamente o risco de câmbio e o risco de taxa de juro; • Salientar os principais aspetos relacionados com o desenvolvimento de negócios internacionais, quer ao nível das variáveis a ter em conta na tomada de decisão, quer no que respeita aos intervenientes e procedimentos tidos como facilitadores e impulsionadores de operações financeiras e de comércio internacional. Este manual tem uma natureza essencialmente didática e destina-se a estudantes do ensino superior da área da gestão e das finanças empresariais, bem como a profissionais da área financeira que sintam necessidade de aprofundar os seus conhecimentos na temática das finanças internacionais. A obra está organizada da seguinte forma: • Capítulo 1 – Contextualização geral das Finanças Internacionais, através de uma breve descrição da evolução do Sistema Monetário Internacional e do Sistema Monetário Europeu, bem como a referência às características e estrutura organizativa dos mercados financeiros globais. • Capítulo 2 – Caracterização do mercado de câmbios na sua estrutura, funções principais, modo de funcionamento e intervenientes, com referência aos conceitos de taxa de câmbio à vista (spot) e a prazo (forward), posições cambiais, rácios cruzados (cross-rates) e descrição das operações cambiais mais comuns. • Capítulo 3 – Introdução ao conceito de risco e apresentação das diferentes tipologias de risco presentes nos mercados financeiros internacionais, com especial incidência nos riscos cambial e de taxa de juro, e referência a algumas das medidas mais utilizadas para a sua quantificação. • Capítulo 4 – Apresentação das principais estratégias de atuação nos mercados financeiros, nomeadamente as operações de arbitragem, especulação e cobertura de risco, procurando evidenciar as principais características deste tipo de operações e exemplificar a sua forma de operacionalização. • Capítulo 5 – Descrição e exemplificação dos diversos instrumentos financeiros utilizados para a cobertura do risco nos mercados financeiros internacionais, sobretudo sobre os instrumentos de cobertura do risco cambial e do risco de taxa de juro negociados, quer ao balcão, quer nos mercados organizados como a Bolsa de Valores. • Capítulo 6 – Referência às operações bancárias desenvolvidas no âmbito do comércio internacional, evidenciando a diversidade de soluções e a importância do papel do setor bancário no suporte à efetivação de trocas de natureza internacional, bem como a crescente necessidade da existência de garantias e intermediários credíveis no desenvolvimento de operações à escala global. • Capítulo 7 – Análise das componentes e registos da Balança de Pagamentos, na medida em que este instrumento possui informação necessária à consolidação de expectativas quanto à evolução dos preços nos mercados globais, em função do conhecimento da maior ou menor oferta de moeda e respetiva influência nas taxas de câmbio futuras. • Capítulo 8 – Tratamento do tema das decisões de investimento internacional, passando pela questão do investimento direto estrangeiro e pelas questões que este investimento levanta no momento da tomada de decisão, para depois analisar o fenómeno crescente das fusões e aquisições de empresas, e terminar com a análise dos aspetos mais relevantes que se colocam à gestão de empresas multinacionais. A estrutura definida procura introduzir aos poucos, e de forma sequencial, os conceitos e as problemáticas que os agentes económicos em geral, e as empresas em particular, devem ter em conta quando o contexto das suas operações ultrapassa as fronteiras nacionais. Note-se, contudo, que o fenómeno da internacionalização e globalização dos mercados ultrapassa os aspetos económicos e financeiros. Não sendo alvo de análise nesta obra, há um conjunto de problemáticas, nomeadamente ao nível político e social, que são determinantes na conjuntura mundial e que não devem ser desconsiderados no momento da tomada de decisão. Termina-se esta nota prévia referindo a total disponibilidade para melhorar a edição deste manual, sendo que todo o retorno dos leitores é, com toda a certeza, uma mais-valia para os autores.
URI: http://hdl.handle.net/11328/2150
ISBN: 978-972-618-902-2
Appears in Collections:REMIT - Livros e Capítulos de Livros / Books and Book Chapters

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Livro_Financas_Internacionais.pdf298.17 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.